quarta-feira, 22 de junho de 2016

Um dia...

Um dia vais olhar para trás e perceber
Que uma alma pura se desvaneceu
Perante a crueza do teu olhar
Que a amizade e carinho que
a ti dedicou foi sincera,
Que as brumas dos teus dias
Foram partilhadas sem reclamações,
Um dia vais perceber que as plantas
do teu quintal foram regadas, semeadas
E delicadamente cuidadas,
Um dia vais perceber...
E já cá não estarei,
Restando, tão só, o retrato amarelado
De uma recordação...

Esmy

2 comentários:

  1. Muito bonito! =)
    http://chicana.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  2. Obrigada, Ana! É sempre uma querida. Beijinho

    ResponderEliminar